Bahia: Samu de Salvador recebeu cerca de 100 mil trotes em 2017Previous Article
Confira os aplicativos de celular que mais consomem a bateria do seu aparelhoNext Article
Breaking News

Portal de Notícias e Serviços de São Francisco do Conde e Região

Candidíase vaginal: cuidados no verão devem ser redobrados

Line Spacing+- AFont Size+- Print This Article
Candidíase vaginal: cuidados no verão devem ser redobrados

É importante que a paciente não recorra a soluções caseiras e nem automedicação

 

 

Calor, biquínis úmidos e roupas pouco ventiladas. Essas são, de acordo com o ginecologista Leonardo Palmeira, as causas que fazem aumentar no verão a incidência de candidíase ​vaginal, infecção fúngica causada por fungo​s​ do ​gênero Candida.

​O especialista, que integra o Serviço de Ginecologia do Hospital Cárdio Pulmonar, orienta ainda as mulheres a evitarem roupas íntimas sintéticas. “Neste período, o aumento de casos de candidíase é favorecido pelo uso prolongado de roupas de banho úmidas. O ideal é trocar a peça após o banho de mar ou piscina”, ensina o médico. É preciso também evitar tecidos que aumentem a temperatura corporal e roupas apertadas. Dar preferência ao uso de saias ao invés de calças e, até mesmo, dormir sem calcinha pode ajudar a melhorar a ventilação.

Há, ainda, cuidados que ajudam a evitar a candidíase: não repetir as peças íntimas, secá-las ao sol e passar antes de guardar, não usar calcinhas úmidas e evitar que as peças tenham contato com a madeira (comum em armários). (Bocão News)

Tratamento

​Ainda de acordo com Leonardo Palmeira, os sintomas ​da candidíase ​​podem ​aparecer de forma súbita. Os mais comuns são coceira, ardor ao urinar e corrimento grumoso (aparência de leite talhado). “É importante que a paciente não recorra a soluções caseiras e nem automedicação, pois quando chega ao consultório já não temos o quadro clássico, o que dificulta o diagnóstico”, destaca o ginecologista.

Para o tratamento é feito o uso de antifúngico oral ou creme vaginal por até uma semana. Os cuidados adequados, de acordo com o médico, reduzem os sintomas em dois dias. ​Se não for tratada de forma adequada, a candidíase pode se estender para a pele, onde se forma uma lesão do tipo micose na região do períneo.

.

.

.

.

.

.

.

.

0 Comments

No Comments This Article Has No Comments Yet

Sorry, either someone took all the comments and ran away or no one left any in the first place !

But You can be first to leave a comment !

Leave Your Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Previsão do Tempo

Enquete

O que você espera do ano de 2018?

View Results

Carregando ... Carregando ...

TV São Francisco do Conde

Digite seu endereço de email para receber novas notícias por email.

WhatsApp vai parar de funcionar em alguns celulares – Saiba quais!

Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
}